• COVER ME SQUASH 2017
  • Francisco Spinola em estagio com selecção nacional

Decorrem as inscrições para o primeiro torneio da época Squashística, desta feita com o importante apoio da marca "COVER ME®”, cujos vários espaços na região são conhecidos pela qualidade dos produtos que comercializa, os quais conferem maior proteção e grande "estilo" a todos os telemóveis e tablets.

As inscrições (sign-up) para o "COVER ME® SQUASH 2017" decorrem até às 23h59 do próximo dia 31 de Janeiro de 2017 através do link https://fns.sportyhq.com/xy9kp , podendo para o efeito participar qualquer atleta filiado na FNS.

A prova decorrerá no court do Hotel Madeira Regency Club entre o final da tarde do dia 2 (quinta-feira) a dia 4 (Sábado todo o dia) de Fevereiro.

Salientamos que o pagamento das inscrições será feito no local da prova e é condição obrigatória para a participação do atleta no torneio, pelo que recomendamos que sejam portadores do valor certo, necessário ao respetivo pagamento.

Endereçamos o convite a todos os simpatizantes da modalidade para que compareçam no Hotel Madeira Regency Club, abrilhantando assim com a V/ presença o arranque da época neste "COVER ME® SQUASH 2017"!

A todos os atletas desejamos um Excelente torneio com muito fair-play!

Read More

Decorre este fim de semana (17 e 18 de Outubro/2015), o Estágio de Observação Sub-17, em Abrantes/Tomar. Orientados pelos nosso Treinadores do Gabinete Técnico Junior Nacional (Paulo Mamede e Susana do Valle), participam neste estágio:

Bruno Gomes (Lisboa Racket Centre)

Francisco Spínola (Madeira Squash Clube)

Guilherme Prata (Squash Colégio de Lamas)

Iara Gonçalves (Anadia Squash Clube)

João Romano ( Escola de Squash do Porto)

Leonardo Durães(SquashRoom)

Mariana Martins (Areias de São João)

Simão Neves (Anadia Squash Clube)

Tiago Leite (Proracket)

Num primeiro dia bastante exigente e trabalhoso, os nossos jovens jogadores corresponderam na integra ao plano de treinos proposto.

Um especial agradecimento ao Barbus - Clube de Squash do Vale do Tejo, pelo empenho na organização deste Estágio.

Esta concentração conta com o apoio da Câmara Municipal de Tomar e do Hotel Segredos de Vale Manso.

Read More

Cursos de treinador e arbitragem - Programa

A Federação Nacional de Squash definiu o programa de formação de treinadores e arbitragem para o ano 2013. Estão programadas as seguintes formações:

Curso de Assistente de Treinador
19-20 Outubro, Local a designar (a FNS receberá candidaturas para o local até 31 de Julho)
Formador: Luís Ferreira (Nível 2 da England Squash & Racketball)
Custo: 100€
Inscrições (em squaty.com) e pagamento: 1-30 Setembro
Número limite de inscrições: 5 formandos/court (a preferência será dada a quem fizer pagamento primeiro)
Número mínimo: 8

Curso de Treinador – Nível 1
1-3 Novembro, Porto
Formador: formador designado pela European Squash Federation
Custo: 175€
Inscrições (em squaty.com) e pagamento Fase 1 (para quem já tem curso de Assistente de Treinador): 25 Julho – 8 Agosto
Inscrições (em squaty.com) e pagamento Fase 2 (restantes candidatos): 9 Agosto – 22 Agosto
Número limite de inscrições: 16 (a preferência, em cada fase, será dada a quem fizer pagamento primeiro)
Número mínimo: 12

Curso de Arbitragem & Exame de Certificação – Nível B1
14 Setembro, Local a designar (a FNS receberá candidaturas para o local até 31 de Junho)
Formador: formadores designados pela FNS
Custo: 15€ (curso) + 5€ (exame)
Inscrições (em squaty.com) e pagamento: 1 Agosto – 10 Setembro
Número limite de inscrições (curso): 24 (a preferência será dada a quem fizer pagamento primeiro)
Número mínimo (curso & exame): 16

FORMAÇÃO TREINADORES

  • ASSISTENTE DE TREINADOR
    Potenciar competências para assistentes de treinador darem aulas de iniciação para crianças e adultos (grupos).
    > Objectivos do curso: formação de técnicos assistentes de treinador, a um nível básico, de iniciação; preparação para uma progressão qualitativa (por níveis) como treinadores de squash.
    > Ministrado por técnicos nacionais, o curso é certificado pela FNS.
    > Requisitos de candidatura: filiação válida na FNS na altura da inscrição e até ao último dia da formação; ter mais de dezasseis anos; possuir um bom entendimento do jogo e das suas regras; ser capaz de demonstrar as pancadas básicas do squash; possuir boa capacidade de comunicação, organização e controle do tempo.
    > Horário/Duração do Curso (incluindo avaliação final): dois dias completos (9:00 às 18:00). A presença é obrigatória durante todo o horário do curso.
    > Material necessário e obrigatório: equipamento adequado para a prática de squash (sapatilhas sola branca, calção, t-shirt e raquete); fato de treino; relógio com cronómetro; toalha; bloco de notas e caneta/lápis.
    > Para receber o programa completo peça-nos informações por email.
  • TREINADOR – NÍVEL 1 & NÍVEL 2
    > Os objectivos destes cursos são definidos e refinados anualmente pela European Squash Federation (ESF) mas é claro que se pretende uma evolução contínua a partir da formação ministrada no curso de Assistente de Treinador. Assim, em termos genéricos, é pretendido formar treinadores com competências que lhes permitam um trabalho de formação independente com iniciados ou atletas de nível recreativo, desenvolvendo os aspetos básicos do jogo, concentrando atenções na segurança e na demonstração correção dos movimentos técnicos básicos.
    > Requisitos de candidatura para o curso de Treinador Nível 1, realizados em Portugal: filiação válida na FNS na altura da inscrição e até ao último dia da formação; ser maior de idade; aptidões técnicas reconhecidas (esta avaliação é feita pela Direcção Técnica Nacional); será dada preferência a candidatos que já tenham formação de Assistente de Treinador ou equivalente.
    > Requisitos de candidatura Nível 2: fixados pela ESF e, geralmente, as candidaturas só são aceites depois de convite prévio da ESF endereçado apenas aos melhores formandos dos cursos de Treinador de Nível 1; os locais destas formações são estabelecidos pela ESF.
    > Ministrados por técnicos designados pela ESF, os cursos são certificados pela ESF.
    > Horário/Duração do Curso (incluindo avaliação final): três dias completos (9:00 às 18:00). A presença é obrigatória durante todo o horário do curso.
    > Material necessário e obrigatório: equipamento adequado para a prática de squash (sapatilhas sola branca, calção, t-shirt e raquete); fato de treino; relógio com cronómetro; toalha; bloco de notas e caneta/lápis.
    > Para receber mais detalhes do programa dos cursos peça-nos informações por email.

FORMAÇÃO EM ARBITRAGEM

  • FORMAÇÃO EM ARBITRAGEM – NÍVEL B1
    Potenciar competências de arbitragem para atletas acima do nível recreativo.
    > Objectivos do curso: permitir transmitir competências sólidas de arbitragem a atletas que pretendam realizar competições a um nível acima do recreativo e que estejam sob a égide da FNS; preparação para formações de Arbitragem Nível L1 ou Nível L2 da ESF/WSF.
    > Ministrado por árbitros nacionais de valor reconhecido pela Direção Técnica Nacional e pela Comissão de Arbitragem.
    > Requisitos mínimos da candidatura: filiação válida na FNS na altura da inscrição e até ao último dia da formação; ter mais de dez anos; possuir um entendimento básico do jogo e das suas regras mais simples.
    > Horário/Duração do Curso: um dia completo (9:00 às 18:00). A presença é obrigatória durante todo o horário do curso.
    > Material necessário e obrigatório: bloco de notas e caneta/lápis.
    > Para receber o programa completo peça-nos informações por email.
  • CERTIFICAÇÃO EM ARBITRAGEM – NÍVEL B1
    Avaliar competências de arbitragem para atletas acima do nível recreativo.
    > Objectivos do exame/avaliação: permitir avaliar as competências sólidas de arbitragem a atletas que pretendam realizar competições a um nível acima do recreativo e que estejam sob a égide da FNS ou em preparação para formações de Arbitragem Nível L1 ou Nível L2 da ESF. A partir de 2015, será obrigatório os atletas terem nota positiva (superior ou igual a 50%) num exame de certificação de competências básicas de arbitragem para poderem participar no Circuito Nacional ou para poderem integrar as seleções nacionais (após 1 de Janeiro de 2015, depois da primeira participação num torneio do Circuito Nacional, um atleta terá seis meses para poder obter a certificação antes de ser impedido de se inscrever em provas desse circuito; no caso da integração de atletas nas seleções nacionais, implicará sempre a obtenção anterior desta certificação).
    > Para atletas de carreira nacional e internacional de reconhecido mérito, a certificação das competências por equivalência de experiência de arbitragem nacional e internacional pode ser requerida à Comissão de Arbitragem e Direção Técnica Nacional.
    > Avaliação realizada por árbitros nacionais de valor reconhecido pela Direção Técnica Nacional e pela Comissão de Arbitragem.
    > Requisitos mínimos da candidatura ao exame: filiação válida na FNS na altura da inscrição e até ao dia da avalição; ter mais de dez anos; possuir um entendimento básico do jogo e das suas regras mais simples (não é obrigatória a frequência anterior em cursos de formação de arbitragem).
    > Horário/Duração do Exame: 120 minutos. Normalmente, realiza-se um exame de certificação após um curso de formação básico de arbitragem, mas também serão agendados pela Comissão de Arbitragem exames de certificação isolados ao longo do ano.
    > Material necessário e obrigatório: caneta e identificação pessoal.
    > Para receber mais informações envie-nos um email.
  • FORMAÇÃO DE ARBITRAGEM - NÍVEL L1 & NÍVEL L2
    > Os objectivos destes cursos são definidos pela ESF e WSF e visam formar árbitros de Nível Nacional,Regional e Internacional.
    > Ministrado por árbitros nacionais e internacionais de valor reconhecido pela ESF e FNS.
    > Requisitos mínimos da candidatura: fixados pela ESF e FNS.
    > Para receber informações mais detalhadas contate-nos por email.